Browsing Tag

Pessoal

Meme

Tag: Know your Blogger

January 24, 2015

A Angélica, do By angel, me indicou ano passado para responder essa tag (outra que já respondi aqui) e no começo do ano, a Gabi, do Fluffy, me indicou também. Essa tag chamada “Know Your Blogger”, na forma original, mas também conhecida por aqui por “Conhecendo o(a) blogueiro(a)” consiste em indicar 11 bloggers para responderem 11 fatos sobre eles, bem como responder perguntas de quem indicou e também perguntar para os que irá indicar. Demorei só um pouquinho (ou um poucão! rsrs) pra pensar e responder tudo. Então, vamos lá?!

11 FATOS SOBRE MIM

#1 Tenho uma lista de séries pra por em dias e quando coloco algumas, começo a ver novas que logo depois estarão atrasadas. #2 Também tenho muitos livros pra ler. Livros que comprei há 2 anos e ainda não li. Parei de comprar? Não, sempre compro e sempre tenho pelo menos uns 15 novos na lista pra comprar! #3 Penso muito antes de fazer ou tomar alguma decisão, mas muito mesmo. E em algumas vezes me arrependo muito de ter feito aquilo. #4 Demorei muito para decidir que curso faria, quando terminei o ensino médio, fiquei em duvida em 2: Design Gráfico e Arquitetura. Hoje faço Arquitetura, mas acho que era para está no Design Gráfico. #5 Só perfeccionista, quero que tudo esteja alinhamento. #6 Sou muito autocrítico, por isso, sempre acho que o que faço poderia ficar melhor. #7 Não gosto muito de falar, logo também não gosto de atender telefone. #8 Não gosto de falar em público e nem de apresentações. Mas no meu curso sempre tenho que defender projetos pra sala toda e na hora esqueço os pontos que tenho de falar (não sei o que será do meu TFG). #9 Sou muito ansioso. #10 Não esculto música alta e nem gosto de barulho. #11 Amo fotografar, mas não gosto de ser fotografado. E na maioria das vezes que faço auto retrato, não mostro o rosto completo.

11 PERGUNTAS DA ANGÉLICA

1. Se fosse fazer uma viagem sem volta, para aonde iria?
Londres, com certeza!

2. Se sua vida virasse um filme, qual atriz ou ator gostaria que fizesse o seu papel?
Tom Riley. Gosto da atuação dele em Da Vinci’s Demons.

3. Um lugar inesquecível!
Nenhum que me lembre até agora.

4. Você ganhou um único pedido, qual seria?
Um mundo menos cruel, onde exista paz e medo da criminalidade que está muito grande nos últimos tempos.

5. Se sua casa começasse a pegar fogo, o que você tentaria salvar?
Só um item?! Bem, acho que a minha câmera e as lentes. Mas em um dos 6 on 6 mostrandei o que salvaria se minha casa pegasse fogo, olha aqui.

6. Uma mania sua que poucos saibam.
Eu quando estou projetando, não gosto de trabalhar com medidas e números quebrados. Por exemplo, se em uma projeto de escada o valor do espelho der 17,38 cm, eu refaço todos os cálculos até encontrar uma medida bonita que se ver e trabalhar. Mas isso é em quase tudo. Gosto de trabalhar com números certos e medidas agradáveis e tenho mania também, acho que conectado com essa anterior, de alinhar tudo. Pra mim, tudo tem que está em uma posição certinha.

7. Você ganhou a oportunidade de rever uma pessoa que já faleceu. Quem seria?
Uhmm, não sei. Acho que no momento não tem ninguém.

8. Um acontecimento que marcou a sua vida.
Marcar, marcar mesmo, acho que nenhum por enquanto.

9. Cabelos castanhos, loiros ou ruivos?
O ruivos são encantadores.

10. Um momento especial e sua trilha sonora.
De novo, acho que não tem nenhum.

11. Um dos 7 pecados capitais que você comete sem culpa nenhuma.
Gula e preguiça! rsrs

11 PERGUNTAS DA GABI

1. Todas as crianças querem ser alguma coisa quando crescerem. O que você queria ser?
Médico. Mas depois passei a pensar em ser Dentista e hoje faço Arquitetura. Então, não rolou né! rsrs

2. Você consegue elencar um livro preferido? Aquele que te fez arrancar suspiros e perder horas de sono.
Acho que o ultimo da saga “Os Instrumentos Mortais” da Cassandra Clare – Cidade do Fogo Celestial (resenha aqui)

3. Qual é a sua rede social preferida?
Instagram! (Dar uma olhadinha ) =}

4. Acho que todos pagam micos de vez em quando. Qual foi aquele que fez você querer se enfiar num buraco?
Não lembro algum tão vergonhoso assim, mas tem o mais recente, eu acho, foi derramar meu smoothie assim que sair do balcão de atendimento no shopping. Eu apenas sair sem olhar para ninguém e fui tomar o resto longe.

5. Se você tivesse que sair do país amanhã, para onde iria?
Londres.

6. Qual é o seu horário preferido e mais inspirador (do dia ou da noite) para escrever?
Acho que o finalzinho da tarde e a noite, principalmente de madrugada quando tudo está calmo.

7. Qual é a sua comida preferida? Aquela pela qual você esquece qualquer dieta.
Dieta, eu?! (rsrs) Acho que empada ou/e torta de frango. =P

8. Se você pudesse trocar de vida com um artista por um dia, quem você escolheria?
O Ben McKenzie, porque queria participar de uma gravação de Gotham onde o Ben faz o Jim Gordon e gosto da coragem e bravura do personagem na série.

9. Você prefere inverno ou verão?
Eu preferia verão, porque não gosto de sair com chuva (já que o inverno aqui não neva, né!). Mas como o calor está horrível, estou preferindo o inverno. Então, Inverno!

10. Qual é o personagem fictício de um livro, filme ou série que você mais gosta?
Sherlock Holmes, acho ele muito inteligente.

11. Qual é a maior realização da sua vida?
Que aconteceu? Acho que quando comprei minha câmera profissional. E no caso de algo não material, acho que quando me formar e puder unir a fotografia com a arquitetura. Sem que a profissão (arquiteto, no caso) atrapalhe ou me faça deixar de fotografar. Ou quem sabe procurar algo que una a fotografia, ando pensando muito sobre a escolha que fiz de faculdade.

INDICAÇÃO

Não vou indicar ninguém, porque acho que todos que conheço já fizeram. Então, vou deixar em aberto. Você que leu e ainda não tiver feito, sinta-se “tagueado”. =} Basta segui o mesmo esquema, falar 11 fatos sobre você, responder as 11 perguntas abaixo e fazer 11 novas perguntas para quem você indicar. E não esquece de me avisar que respondeu. Quero conferir o seu.

#1 Sua série preferida do momento. #2 Na sua infância, do que você senti saudades? #3 Um lugar pra conhecer. #4 Qual o último livros que você leu? #5 Um filme que te marcou. #6 Compartilha com a gente, qual sua banda ou seu cantor recém descoberto? #7 Qual livro você não recomenta a leitura? #8 Qual super-herói você gostaria de ser? #9 Café ou chá? #10 Se fosse fazer uma tatuagem, o que séria e onde? #11 Deixe uma mensagem final.

Bom, foi isso. Obrigado se você leu tudo e não desistiu de ler! =D

Fotografia

8 on 8: Carry on

May 8, 2013

Mais um mês de projeto e nesse temos mudanças. Como vocês podem ter percebido as fotos não saíram no dia 6, porque agora nós somos 8. A Fernanda e Angélica entraram no grupo. Então agora é 8 on 8, sendo 8 pessoas postando a cada dia 8 do mês 8 fotos. Ok?!

Esse mês fiquei sem qualquer ideia do que fazer, tudo culpa das primeiras provas da faculdade que levaram meu ânimo junto com a criatividade. Esse ultimo foi todo só em um projeto. Oh God! Mas finalmente hoje consegui encontrar algo de bom para tentar e fui gostando e acho que refletiu bem a minha atual situação.

Mas as fotos podem ter várias interpretações, como aflição, desânimo, desespero, espera por algo de bom e outra qualquer que você perceber. Me inspirei nas fotos da Bianca.








Agora vamos ver o que a Renata preparou pra gente esse mês!

Blog

Novos conceitos e 2 anos

March 1, 2013

Nossa, parece que foi ontem que estava criando o blog, mas na verdade já se passaram dois anos. Pode até ser pouco, mas para mim já algum tempo. E fico muito contente de saber que existem algumas pessoas queridas e amigas quem tem o mesmo tempo que eu(Oi Gabi – fluffy | Oi Bianda – twobee).

Quando eu comecei a blogar, tinha na cabeça uma maneira e não gostava muito da ideia de falar coisas pessoas, achava que era muita exposição da vida, o que se deve ter um certo cuidado, mas fui evoluindo e mudando de pensamentos a medida que conhecia outro blogs e pensava, “Ai gosto tanto como ele/ela escreve/faz o blog”, e foi assim que cheguei a essa nova fase do blog.

Claro que antes de chegar a esse conceitos, pensei em muitas coisas e até praticamente cheguei a pensar em desistir do blog e não renovar o domínio. O ano começou e eu fui me surpreendendo com algumas coisas, pessoas novas chegando, pedidos de parceiros, comentários com elogios, entre outras coisas. E foi assim que, também, percebi que blogar não é só fama, status, mas uma questão de comunicação e compartilhamento de opiniões e conhecimentos. E resolvi deixar os medos, os fracassos e a vergonha de lado e mudar. Trazer uma nova versão, para essa nova versão de mim.

Comecei a trabalhar nessa nova cara do blog em outubro do ano passado, fui pensando aos poucos e fazendo no tempo livre que eu ia tendo. Mas só no começo do ano, foi que comecei a definir algumas coisas e adicionar outras, limpar melhor toda a dashboard e outras coisas que as versões antigas não tinham ou tinham mais de uma maneira bagunçada. Cheguei a fazer 3 tipos de ilustrações para o head, mas na ultima semana, foi que optei pela lâmpada pintada em aquarela, o que eu acho lindo – não estão tão bom quando alguns outro trabalhos de pessoas que mexem com aquarela, mas gostei bastante e me apaixonei pela lâmpada. Sei até que é meio clichê usar lâmpada, devido o nome, mas já vinha com essa ideia há muito tempo. Mas só agora que veio a ser posto em pratica.

E o que mudou? Bom, visualmente falando algumas coisas, como as cores do layout que estão bem neutras. Pensei em deixar assim por dois motivos. Primeiro, porque o blog tem mais mulheres comentando do que homens. Segundo, para ficar mais clear e não muito carregado em cores.

Com o intuído de divulgar e mostrar mais minha fotos, coloquei as atualizações do flickr e dos dois projetos que estou fazendo, 6 on 6 e 52 semanas na sidebar. Criei uma página só para o meu perfil e outra para o blog. Também, coloquei os parceiros em uma página só e na sidebar de maneira aleatoriamente.

Mudei algumas outras coisas, mas isso vocês vão percebendo no decorrer das postagens. E uma outra que se percebe logo, são os links de compartilhamento nas redes sociais. Com o tutor da Dani do Difluir, mudei para esses novos links de compartilhamento que melhoram tanto visualmente e na questão do carregamento do blog. Os demais créditos são os mesmo e estão todos na página de links.

Ainda tem algumas coisas que tenho que ajustar, mas isso vai aos poucos e não queria esperar para resolver e adiar a estréia do novo layout. Também, quero agradecer a Aninha que deu algumas olhadas nele durante o desenvolvimento e deu alguns pitacos experientes. E a Gabi pelos buttons e opiniões também! E agradeço a todos que curtiram, são parceiros e que gostam da forma que eu resenho, escrevo. Muito obrigado mesmo, porque se não fossem vocês, eu não estaria escrevendo esse post. Já teria cancelado o blog. Vou pedir compreensão em alguns momentos que me afastar do blog, mas é porque comecei a faculdade de Arquitetura (de 7 disciplinas, 5 são de desenho e com muitas praticas) e pelo que vejo terei muitos trabalhos e desenhos para entregar, mas planejo postar pelo menos uma vez no mês e responder os comentários também.

E como eu disse, tem coisas ainda que estou vendo e arrumando. Então se encontrarem algum problema, só avisar, por favor! =}

Pensamentos, Pessoal

Esconderijo

February 19, 2013

esconderijo

Nesse quarto escuro
Existe um menino assustado
Ele é sozinho
E teme que o mundo encontre o seu cantinho

Entrega ele pra cuidar
Eu sei guardar segredo
Eu sei amar

Não conto pra ninguém
Que esse menino é alguém
De barba e gravata e que esse quarto escuro é sua alma

Esconderijo – Sandy Leah

Ando um pouco receoso sobre o futuro, será que fiz a escolha certa? Será que estou seguindo no caminho certo? São tantas duvidas e medos que preferia não sair do meu esconderijo. Onde estou seguro e salvo do mundo e de suas escolhas. Tenho medo do que encontrarei daqui pela frente. Como serão as pessoas que conhecerei.

Mas então vejo que está mais do que na hora de sair da zona de conforto e enfrentar os medos, pois sem uma pequena guerra interna, não é possível alcançar a satisfação pessoal, os desejos. Escolhas sempre existirão enquanto eu viver e só cabe a mim decidir quais delas serão certas para aquele momento. Se não forem, paciência em tentar refazer, se assim for possível.

Não posso mais olhar para trás, pois sei que minha pernas fraquejarão e começarei a pensar nos “se” e não seguirei em frente. Tudo poder ser estranho no começo, mas depois você se acostuma e tudo segue. Só então, depois de andar todo o caminho e chegar ao fim, que olharei para trás e perceberei que se não tivesse enfrentado os meu medos e receios, não teria chegado aonde eu cheguei. Não teria conquistado o que conquistei. Não seria uma pessoa mais preparada se tivesse ficado para trás, pensando e esperando as coisas ocorrem.

O caminho pode ser difícil, mas terão coisas boas, afinal nem tudo pode ser ruim. Existirá mais algumas escolhas, mas é pisando nas duras pedras que chegaremos lá. E sim, que venha novo ventos, pois estou pronto para seguir.