Browsing Category

Outros

Fotografia, Outros

6 on 6: Winter

June 6, 2015

Voltei! Mais um 6 on 6 e para esse mês, eu a Renatinha, decidimos fazer temático, sendo o desse mês, Inverno. Ele e o Outono são as estações que mais gosto, devido as cores e as roupas usadas.

Para alguns locais, o inverno é a estação atual. Bom, aqui em Fortaleza, isso não acontece. Já chovei mais de passar o dia com aquele clima maravilhoso para ler, assistir um filme/série ou dormir bem muito (pra que melhor!), mas acabou e só temos sol e, às vezes, às vezes, chove ou só fecha o tempo e depois abre o sol de rachar a cabeça.

Enfim, fiz as fotos com coisas que lembrem o inverno ou de algo que gostaria de fazer se morasse em local fizesse frio em uma parte do ano.






1. Sempre quis fazer uma foto assim, mas ficava só adiando ou esquecia. Então, esse mês com o tema, eu resolvi testar e gostei. Preciso fazer com outra cor de meia para ficar melhor.
2. Chá e colocar leituras em dias. Apesar de não precisar ser inverno ou está frio para eu tomar chá. Assim como cappuccino, eu tomo direto.
3. Nuvens de um tempo nublado.
4. Lenço e minha blusa nova de triângulos. O que me dar ainda mais vontade de morar em um local onde se possa usar lenço, moletom e roupas de frios sem derreter.
5. Moletom e a próxima leitura já separada.
6. Essa árvore tem tudo a ver com o tema, pelo galhos sem folhas e esse aspecto morto, lembra o que vemos nos outros países. Fotografei nessa ideia.

Bom, esse mês foi isso, espero que tenham gostado. Obrigado pela visita e até a próxima! =D

Esse mês só eu e a Renatinha vamos postar, mas nada impedi de deixar aqui os links das outras participantes, não é mesmo?

AninhaAngelicaHelenaKarolRenatinha

Outros

Desapega

July 17, 2014

Recentemente, durante uma limpeza no quarto, deparei-me com um difícil pensamento: Desfazer-me de algumas coisas que tenho e não uso mais. Será que preciso mesmo disso ou disto? Alguns livros que comprei achando que eram maravilhosos e percebi que eles tinham uma leitura cansativa que provavelmente não lerei novamente.

Sei que dá uma dor no coração se livra de alguns itens que você olha e pensa no valor sentimental, nos momentos legais passado com eles, mas em alguns casos o desapego é fundamental. Por exemplo, se eu doar, vender ou trocar alguns livros que não gosto tanto assim, eu terei mais espaço para novos.

Pensando nisso, cheguei a OLX. Um dos maiores sites de classificados do Brasil. Está presente em 96 países e em mais de 41 idiomas. A empresa vem conquistando novos usuários a cada dia. E o sucesso é devido ela ser uma solução simples, fácil e gratuita de vender ou comprar um produto e/ou serviço. Você, pode usar o computador entrando no site ou pelo tablet ou smartphone, através do aplicativo que tem pra Android e iOs. Tudo de uma maneira confortável e simples.

E o melhor? Tudo de maneira organizada. É meio chato e ruim navegar por sites de compra ou/e venda onde você não consegue de maneira simplificada encontrar o que procura. Ou, no caso de venda, são muitas informações e burocracia.

Os anúncios são divididos por região, você pode entrar e selecionar para ver as ofertas de seu Estado, especificar sua cidade ou uma mais perto de você. Pode navegar pelas categorias, como Imóveis, Computadores e acessórios, Móveis e decoração etc. E por subcategorias, deixando tudo bem simples para o usuário. É só procurar ou desapegar e ser feliz!

Dando uma olhada pelo meu Estado, Ceará, e procurando por livros, como sempre, achei um anúncio com os 3 volumes da Edição Definitiva do Sandman, aquela edição com capa de couro e linda, por um preço bem legal.

Simples né?! Agora falta só a coragem para praticar o desapego e ter espaço para novos objetos.

Outros

Para conhecer e aproveitar: HelloFood

March 17, 2014

Recentemente fui convidado pela HelloFood a testar a plataforma deles. E só pela ideia, já achei muito bacana e imperdível. Eles trabalham como delivery e são uma grande conexão de você com os estabelecimentos cadastrados. Tudo seguro e bem fácil de acessar.

A HelloFood é como uma listel só que especialmente digital e para comidas. Por lá você pode ter acesso a todos os estabelecimentos parceiros perto de você e conferir o cardápio com os valores e características dos pratos, como um menu/cardápio mesmo. É para aqueles dias que você não quer fazer nada em casa ou simplesmente quer algo gosto e novo.

Eles possuem diversos tipos comidas desde as mais simples como pizzas até as mais sofisticadas como comida árabe. Além de pratos regionais que vai depender da sua região. E uma curiosidade: A pizza é a comida mais pedida segundo pesquisa feita nos 30 países em que a HelloFood atua. No Brasil, 40% dos pedidos é de pizza.

“Desde os mais exóticos pratos de cozinha chinesa, japonesa ou árabe, até à mais tradicional culinária mineira, passando por opções mais saudáveis como saladas ou frutos do mar, seus seguidores vão poder encontrar tudo através do Hellofood. Uma regalia que disponibilizamos nas principais capitais brasileiras, como São Paulo, Belo Horizonte, Rio de Janeiro, Brasília, entre outras, bem como em vários outros países da América Latina, da Europa, da Ásia e da África – ideal para os viajantes assíduos.”

E é tudo bem simples mesmo. Você, digita o seu CEP e aparece uma lista dos locais perto de você. Escolhe o que deseja vendo o cardápio e realiza o pedido. Pode até aparecer aquele restaurante, lanchonete que você já conhece, mas não sabe o telefone.

O prazo de entrega também não me pareceu ruim, no meu caso foi de 40 minutos. Mas você pode agendar a entrega para o outro dia que foi o que fiz já que não estaria em casa na hora. E chegou na hora em que agendei a entrega.

O único ponto ruim pra mim, foi que para o meu CEP e mesmo aqui em Fortaleza, eles ainda não estão totalmente. Então, não tinha muitas opções. No entanto, escolhi uma padaria que já conhecia e nem lembrava mais das coisas deliciosas que tinha por lá.

Você pode fazer seu pedido tanto pelo Site como pelos apps: Android | iOS

Outros

Registre momentos especiais

February 17, 2014

Desde muito tempo, o ser humano vem usando a fotografia para registra o que acontece ao seu redor. Tudo começou com as tais câmeras fotográficas que usavam placa de estanho coberta com um derivado de petróleo. Primeiro apenas em preto e branco depois passou pra colorida e agora digital que nos permite saber como ficou a foto logo que tiramos.

Mas no dia de hoje, é cada vez mais fácil registramos momentos especiais, como festas e eventos ou nosso dia-a-dia. Sem contar que existem diversos modelos de máquinas fotográficas e filmadoras a venda, basta procurar aquela que mais se encaixa as suas necessidades. É só irmos a essas festas escolares para vermos os pais com suas filmadoras e câmeras em mãos.

Eu desde pequeno sempre gostei e admirava muito esses registros. Aqui em casa, o que não falta é álbuns com fotos do tempo em que eu nem era nascido. Fotos velhas, em preto e branco, em tons de sépia. Fotos que já estão manchadas. Mas cada uma traz uma lembrança gostosa.

O registro de alguém muito especial que não está mais entre nós ou até mesmo a evolução de alguns. Muito comum em álbuns que nossas mães fazem e guardam de quando éramos crianças. É até um pouco nostálgico olhá-los, mas uma boa nostalgia para esses dias tão corridos e que muitas vezes não paramos para ver a beleza e simplicidade ao nosso redor.

São coisas assim tão simples que muitas vezes não ligamos ou achamos coisa de gente velha. Mas não é. Pelo contrario é algo extraordinário. Os momentos são para serem vividos e as lembranças boas guardadas para que em dias ruins possamos ver que podemos ser sim felizes e que para isso não é preciso de muito. Por isso, eu adoro registra os momentos e guarda-los. Não na forma impressa como fazíamos com as fotos analógicas, mas pretendo separar umas a cada mês e ir montando meu álbum de recordações.